Roteiros no Estado de São Paulo

Brotas 

Capital da aventura segura

1/6

Botas está localizada bem no centro do estado de São Paulo, no coração de uma das regiões mais desenvolvidas do país, mas que ainda nos presenteia com suas riquezas e belezas naturais preservadas. Dotada de uma posição geográfica estratégica e privilegiada, vêm assumindo um novo caminho e desponta no contexto ecoturístico nacional. 

A cidade abriga em suas “serras” várias nascentes e rios encachoeirados, que cortam vales e encostas; concentra uma enormidade de atrativos turísticos, na sua maioria hídricos (represa, ribeirões, cachoeiras, corredeiras e nascentes). Seu potencial natural aliado ao incremento de produtos e serviços turísticos, confere à região um enorme potencial para o ecoturismo e para o turismo rural. E hoje já é com certeza, ponto de referência para a prática de esportes de aventura aquáticos, como: rafting, o bóia-cross, a canoagem e o canyoning.

Atividades sugeridas:

  • Tirolesa

  • Arvorismo

  • Rafting

  • Floating

  • Trilhas

  • Cachoeiras

  • Oficina de produção de goiabada

  • Visita a Nascente Areia que Canta

Petar

Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira

1/5

O Parque Estadual e Turístico do Alto Ribeira (PETAR) situa-se a cerca de 370 Km da capital, no vale do Rio Ribeira de Iguape, entre os municípios de Iporanga e Apiaí (SP). Numa das regiões mais preservadas do Estado de São Paulo, predominam montanhas de calcário cobertas por trechos de Mata Atlântica praticamente intocada. Rios e riachos com águas límpidas cortam os vales, proporcionando banhos refrescantes e seguros aos visitantes. Mas, sem dúvida alguma, o principal atrativo do parque são as suas mais de 200 cavernas.

Atividades sugeridas:

Ilha do Cardoso

A região, localizada no litoral sul do Estado de São Paulo, faz parte do complexo estuarino-lagunar de Iguape, Cananéia e Paranaguá, área que se estende da Estação Ecológica Juréia Itatins, em Peruíbe, até a cidade de Paranaguá, no estado do Paraná.

Abrangendo 200 km de litoral, detém boa parte do que restou da Mata Atlântica após décadas de destruição, num estuário considerado como um dos maiores criadouros de espécies marinhas do Atlântico Sul. São mais de 22 mil hectares de cenários formados por costões rochosos, praias, braços de mar, estuários, barras, lagunas, restingas, mangues, rios, planície litorânea, ilhas e montanhas cobertas de florestas.

É tanta riqueza natural que a Unesco declarou os remanescentes da Mata Atlântica, como a Ilha do Cardoso, Reserva da Biosfera, um Patrimônio da Humanidade.

 

Vila do Marujá

Localizado a 2h de navegação da Ilha de Cananéia, a comunidade do Marujá está inserida na restinga sul do Parque Estadual da Ilha do Cardoso. No trajeto até a Vila, prepare a sua câmera: golfinhos costumam dar o ar da graça! Atualmente residem nesta comunidade 51 famílias, com aproximadamente 170 pessoas, com características tradicionais caiçaras. Os moradores locais vivem principalmente da pesca e hoje e o turismo como suplementação de renda.

Atividades sugeridas:

Rua Paula Ney, 726.
Vila Mariana - São Paulo - SP
CEP: 04107-022 - BRASIL

Tel/FAX: (11) 5575.0448 / 5081.2570

MINISTÉRIO DO TURISMO

N° 26.039843.10.0001-1

Terra Nativa Ecoturismo © 2017 

VEM COMIGO QUE NO CAMINHO EU TE EXPLICO!

ilha-do-cardoso-001